"Amem sem cor, raça ou gênero."

Kiana Firouz A atriz iraniana Kiana Firouz, lésbica assumida, conquistou o direito de permanecer na Inglaterra. Ela corria o risco de ser deportada e perseguida em seu país de origem.

Nos últimos meses, Kiana foi foco de uma campanha internacional, que promoveu uma petição com o objetivo de pressionar as autoridades para que ela obtivesse asilo na Inglaterra.

A atriz, de 27 anos, começou a carreira em Teerã. Há dois anos, ela se mudou para a Inglaterra para estudar, mas autoridades iranianas descobriram seu trabalho e a polícia secreta passou a persegui-la.

No Irã, a homossexualidade é ilegal e punida com pena de morte. Na Inglaterra, Firouz teve seu pedido de asilo negado e ouviu a recomendação que precisava ser “discreta” quanto a sua sexualidade se não quisesse ser perseguida.

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...