"Amem sem cor, raça ou gênero."

On 20:18 by LL in    No comments
Existe um muro no meio do caminho denominado preconceito.
Hoje em dia vivemos em uma sociedade tão individualista que alguns valores estão se perdendo, pois é muito fácil auto-avaliar às pessoas e esquecer de cuidar de si. Nós como seres humanos racionais precisamos deixar de se preocupar com coisas fúteis e recomeçar a reorganizar nossos conceitos e valores morais que nos foi passado e transmitido ao longo da vida e deixar de lado toda a injúria que paira em nosso inconsciente.
Temos que agradecer à natureza da diversidade, pois você já parou para pensar se nós fossemos todos iguais? As coisas na vida não teriam sentido; os contrastes fazem à diferença e tornam o mundo cada vez mais distinto. Será que estamos sabendo respeitar essas diferenças? Pois é, lembram daquela velha história que às pessoas tem livre arbítrio para fazer suas escolhas, então não cabe a nós julgar ou a pedra será lançada novamente?
Há pessoas que pensam que o preconceito está acabando, mais percebemos que há mais um muro no meio do caminho que precisa ser derrubado e para isso precisamos não auto-avaliar nosso próximo e sim lapidar nosso lado subjetivo; pensando também nas pessoas que nos rodeiam.

É óbvio que temos opiniões formadas sobre determinados assuntos, mais os velhos conceitos precisam ser revisados assim como a nossa conduta perante a sociedade e são atitudes assim que nos elevam e fazem a diferença nesse mundo cheio de contraste.

Texto de
Anderson Rodríguez

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...